Fixa vence 4º Desafio Intermodal São Paulo 2009

Para quem estava desatento, ontem tivemos o 4º Desafio Intermodal de São Paulo. O desafio consiste em comparar o desempenho dos diversos modos de transporte na cidade no seu pior horário diário de trânsito. Até aí, o fato de uma bicicleta ganhar, não seria novidade, mas esse ano incluíram (pasmem) o helicóptero que chegou em 4º lugar atrás de 2 bicicletas e uma moto.

desafiointermodal2009ri

Sorriso de Campeão: Ricardo Bruns com sua Fixa.

O ciclista de Fixa Ricardo Bruns mandou muito bem garantindo com apenas 22 minutos da Berrini (Zona Sul) até o Viaduto do Chá (centro) o Tetra campeonato do desafio para as bikes.
Confiram todos os modais (teve até patinete ganhando de carro!), percursos e regulamento no site de nossos amigos do CicloBR.

E assista a matéria de cobertura da ESPN sobre o evento abaixo:

Resultados do CicloBR:
resultados

Tá com pressa? Vá de Fixa!

About these ads

2 Responses to “Fixa vence 4º Desafio Intermodal São Paulo 2009”


  1. 1 Juca 20/01/2011 às 12:29 pm

    Legal! Só não gosto da distinção e/ou preconceito cada vez maior contra bikes de marcha. Fixa é moda, ok, mas mesmo usando marchas a bike continua bike.

  2. 2 WillWright 20/01/2011 às 7:30 pm

    Olá Juca! Obrigado pela visita!
    Não vejo um preconceito contra bikes de marcha, com certeza não da minha parte que sempre usei bicicletas de marcha também. Distinção é claro que tem que existir, como existem mountain bikes, road bikes, cross, etc… afinal esse é um blog sobre bikes fixas e não sobre bikes em geral né?
    Quanto à moda, eu gostaria de deixar claro algumas coisas: meu objetivo com esse blog era o de ajudar a introduzir o conceito de bicicletas de catraca fixa no Brasil quando voltei de Londres em 2007 onde conheci melhor essa categoria. Mesmo lá (assim como NY, California, etc) existe uma forte cultura voltada aos bike messengers que por razões de praticidade utilizam bikes fixas, mas essa cultura adotada por “hipsters” está além da proposta do blog.
    Pessoalmente, me agrada muito mais a simplicidade minimalista dos modelos de pista italianos dos anos 70 e 80, coisa que nem faz parte da “moda” que tem ganho forma ultimamente, ou seja, fixa não é moda, Einstein andava numa fixa, Eddy Merckx competiu em fixas assim como todos os atletas que andam em velódromos. A “moda” está relacionada à cultura de (faux-)bike-messengers adotada pelos hipsters.
    Boas Pedaladas!!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: